Trabalhar na indústria da aviação é o sonho de muitos. Seguir a carreira de comissário de voo e ter a possibilidade de viajar o mundo, conhecer novas pessoas e entrar em contato com diferentes culturas são experiências enriquecedoras e que chamam a atenção de muitas pessoas para essa profissão. Em um momento otimista para o setor, não faltam atrativos na hora de considerar viver a vida pelos ares.

Um dos grandes sonhos de quem, um dia, almeja se tornar comissário é ter a oportunidade de trabalhar em uma companhia aérea internacional. Melhores salários, a chance de morar fora do país e as escalas em diferentes países ao redor do globo são só alguns dos encantos que esse cargo pode proporcionar. Claro, nem tudo é glamour. Essa é uma profissão exigente, que demanda muita responsabilidade, versatilidade e preparo físico e emocional para lidar com as situações do dia a dia de um comissário.

Dentre todas as companhias aéreas estrangeiras, uma das mais visadas por profissionais de todo o mundo é a Emirates Airlines. Fundada em 1985, nos Emirados Árabes Unidos, a empresa figura, hoje, entre as 10 maiores companhias do planeta, tenho conquistado mais de 300 prêmios internacionais. Em 2013, a Emirates foi considerada a número um do setor em todo o mundo, se tornado referência em luxo e em alto padrão de atendimento. Hoje, a empresa possui voos para mais de 100 destinos e uma frota que já ultrapassa a quantidade de 200 aeronaves.

 

Em constante expansão, a companhia está sempre em busca de novos profissionais para integrar sua equipe. Se você deseja trabalhar um dia para essa empresa, confira a seguir 7 curiosidades sobre como é ser comissário de bordo na Emirates Airlines.

O Processo Seletivo

É natural imaginar que uma companhia aérea que preza por um atendimento de alto padrão de qualidade seja rigorosa na hora de selecionar as pessoas que farão parte do seu quadro de profissionais. Na Emirates é assim. A seleção dos novos talentos é realizada em três etapas e seguem um procedimento bem exigente. Todas essas fases são realizadas em inglês e é exigido que o candidato compareça vestido formalmente.

A primeira etapa é o chamado Open Day. Qualquer um que se inscreveu pelo site por comparecer ao evento e participar do processo seletivo. Neste primeiro dia, os candidatos assistirão a palestras sobre a companhia e seus valores. Em seguida, já começam os primeiros processos de seleção, como a conferência dos requisitos mínimos para se fazer parte da equipe Emirates.

A companhia exige que os candidatos tenham ao menos 21 anos de idade, alcancem 2,12 metros com os braços esticados, não possuam tatuagem ou cicatriz grande aparente e nem façam uso de óculos ou aparelhos ortodônticos. Cumpridos esses requisitos, é hora do teste de proficiência em inglês, para comprovar o domínio da leitura, fala e escrita da língua.

Após 30 dias, os selecionados devem comparecer à segunda etapa do processo seletivo, o Assessment Day. Neste dia, são realizados testes, dinâmicas de grupo, uma prova escrita em inglês e, por fim, um teste psicométrico.

Os aprovados devem comparecer à terceira e última fase da seleção, a Final Interview, que ocorre alguns dias após o Assessment Day. Nesta etapa, os candidatos realizam uma entrevista a sós com o recrutador da Emirates, com cerca de 1h30 de duração e toda em inglês. Depois disso, fica-se no aguardo do chamado Golden Call, que significa que o candidato faz parte dos 5% que foram selecionados e que podem começar a realização de todos os exames médicos e odontológicos exigidos pela empresa.

Por fim, ao serem aprovados, os futuros comissários da Emirates passa um por cinco semanas de treinamento na Emirates Aviation College, em Dubai, sede da empresa.

O Inglês

É requisito obrigatório para se trabalhar na companhia que o profissional tenha inglês fluente. A companhia exige que haja pelo menos um comissário falante de árabe em cada voo, mas o restante do atendimento é todo realizado na língua inglesa. Além disso, por ser uma cidade extremamente cosmopolita, todo o cotidiano dos comissários em Dubai é resolvido em inglês.

Dubai

É onde fica a sede da empresa e onde todos os comissários vão morar a partir do momento em que são contratados. Uma das maiores cidades dos Emirados Árabes, Dubai é extremamente rica e diversa. Para se ter uma ideia, apenas cerca de 15% dos moradores são nativos. Assim como todo o país, a cidade está constantemente em obras e, como está localizada no meio do deserto, não é raro se incomodar com a areia.

Para os comissários que sentirem saudades de casa, Dubai fica a 12 mil quilômetros de distância de São Paulo, em um voo direto com duração de mais de 14 horas. A capital paulista é o único destino da empresa no país, além de uma conexão no Rio de Janeiro do voo que vai para Buenos Aires.

O Trabalho

Como dissemos, a Emirates Airlines é uma das maiores companhias aéreas do mundo. Ao ser selecionado, você terá a oportunidade de trabalhar ao lado dos mais de 10 mil comissários de voo que fazem parte da empresa. É gente de mais de 160 nacionalidades, sendo que são cerca de 300 brasileiros.

A carga de trabalho varia, geralmente, de 80 a 120 horas de voo por mês, o que é equivalente a um quantidade de cinco a 10 viagens mensais. Após cada um desses voos, o profissional tem direito a descansos de 24 ou até mesmo 48 horas na cidade de destino, além de poder usufruir de oito dias de folga por mês.

Por fim, o comissário da Emirates tira 30 dias de férias por ano, com direito à passagem ao seu país de origem. Depois de pelo menos três anos de trabalho, essa passagem pode ser mudada para qualquer destino operado pelo companhia.

O A380

Quem for contratado pelo Emirates pode ter o privilégio de atuar no Airbus A380, o maior avião comercial do mundo. Com 73 metros de comprimento e capacidade para mais de 500 passageiros, atualmente são 90 A380 na frota da Emirates, que adquiriu o seu primeiro modelo em 2008 e já encomendou mais 62 dessas aeronaves.

Trabalhar em um avião desses pela Emirates não é para qualquer um. O A380 conta serviços dignos de hotéis de luxo, com suítes, bar, lounge, sistema exclusivo de entretenimento, além de uma tripulação exclusiva e que passou por um curso específico para atuar dentro dele.

O Uniforme

A vestimenta das comissárias de voo é um dos aspectos mais marcantes e reconhecíveis da Emirates Airlines em todo o mundo. O terno bege moldado ao corpo e camisa creme são assinados pelo estilista Simon Jersey, tendo se tornado símbolo da sofisticação e elegância da companhia. O aspecto mais marcante do uniforme, porém, fica por conta do chapéu vermelho, com um lenço de seda branco, que busca prestar homenagem às tradições do Oriente Médio, passando uma imagem ligada ao mundo dos negócios. Na mesma linha, os homens trabalham com um sóbrio terno preto.  

As Vantagens e os Benefícios

Uma companhia que é tão exigente em todos os aspectos também busca oferecer o melhor para os seus funcionários. Com um salário cerca de três vezes maior do que os oferecidos pelas companhias aéreas brasileiras, a Emirates banca também todos os custos com acomodação, transporte, seguro mundial e os planos de saúde e odontológico de seus comissários.

Os profissionais contratados são alocados em um dos quase 30 prédios que a companhia possui em Dubai, todos com sala fitness e piscina. Cada funcionário conta também com uma linha telefônica própria. Os recém-chegados recebem ainda um kit com os alimentos necessários para sua primeira semana em Dubai e uma quantia em dinheiro para se virarem na cidade.

Quando em viagem, os comissários da empresa ficam hospedados em hotéis de cinco estrelas e recebem uma boa quantidade da moeda local para gastarem durante seu período de descanso.

Trabalhar em companhia aérea internacional é o sonho de muito comissários. Ter a oportunidade de atuar em uma empresa referência do setor é desafiador e exigente, demandando muito preparo e dedicação. Assim como a Emirates, muitas companhias estrangeiras recrutam brasileiros e podem ser uma grande oportunidade para garantir uma maior remuneração e melhores benefícios.

emirates_wide

E você, sonha em trabalhar pelos ares e conhecer todo o mundo? Não perca tempo e qualifique-se. O CEAB é uma das escolas de aviação mais conceituadas do país e oferece cursos presenciais e a distância para a formação de comissários de voo. Ficou interessado? Baixe o nosso Guia Completo da Profissão e informe-se!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here